03 agosto 2009



MEU ETERNO AMOR



lembro-me bem
do nosso primeiro beijo
suas mãos nas minhas
e aquela emoção
que dava arrepios no corpo
nossos rostos se aproximando
nossos olhos se encontrando
naquele gosto de para sempre

lembro-me bem
da nossa primeira vez
quando suas mãos com delicadeza
cheias de ternura
tiraram as minhas peças de roupa
controlando seu desejo desenfreado
como se estivessem
descobrindo pedaços de minh´alma

lembro-me hoje
que em absolutamente todos meus momentos
de angustia, de alegria, de tristeza
de euforia, de duvida, de agonia
voce está ali, com suas mãos presentes
com seu olhar bondoso
com seu desprendimento eterno
do seu pensar sempre em mim
(nunca em você)

lembro-me agora
do seu beijo de boa noite
de nosso abraco tao perfeitamente encaixado
de nossas pernas enroscadas
de sua respiraçao em meu pescoco
desse amor envolvente e eterno
que suspira em nossa rotina
e que descansa em nossos dias

percebi que em todos esses anos
no vai-e-vem de nossos dias
você é a certeza do encontro perfeito
do amor sublimado
do desprendimento das vaidades
da falta do egoísmo
do dar-se sem limites
do enxergar muito além do óbvio

amo você com toda minh´alma
como se não existissem gestos suficientes
para conter esse amor tão pleno
amo você com todo meu coração
como se precisasse de mais um pouco de espaço
para guardar toda a minha emoção
amo você com a pureza de uma criança
com certezas absolutas
dessas que guardamos para sempre
bem dentro do nosso coração


Mary Fioratti

15 comentários:

Retalhos de Amor disse...

Minha Amiga...
Este teu Poema
Deste teu Amor
É deslumbre d'Alma
Sorriso do coração!!!

Suave Ternura...
Como tu!!!

Beijos, Amada...
Nesta tua Alma Linda!!!
E OBRIGADA...
Pelo sentimento com o qual
sempre me abraças!!!
Iza

Sonia Schmorantz disse...

Não é toda hora que se lê uma declaração poética tão apaixonada! É linda!
beijos

BANDEIRA disse...

Olá amiga,

Isso é que é amor !!
É desse amor que a humanidade precisa.

Saudades de ti,
Bjs

Beatriz Prestes disse...

Minha querida.

Te mandei por email o que senti quando li teu poema....
Aqui,vou tentar ser mais breve e menos emocional. rs
Há coisas na vida que independem do querer, do lutar, do sonhar ou implorar. Certas bençãos são simplesmente merecimentos. E isto você tem.
Tem felicidade porque merece, tem realização porque merece, tem este amor lindo e verdadeiro porque merece! Portanto minha linda...curta muito esta plenitude. Sorria...nunca tema!
Eu me sinto demais feliz por você.....demais feliz por te saber feliz!
Só eu sei (bom,vc sabe tbém rs) o quanto este momento de poesia me emocionou.
Te amo linda e querida!!!
Obrigada pelo momento maravilhoso que tua poesia me proporcionou.
Beijo com infinito amor
Bea

Jorge Vieira Cardoso disse...

tudo tão eterno!

o tempo passa e a memória fica depositada no coração que nunca deixará de amar!

beijo terno!

Lainha disse...

Oiii querida Mary!!!
Lindooooo!!O amor é nosso combustível de vida.

Beijão querida.

Ademar Oliveira de Lima disse...

Estive por aqui em visita ao seu blog!! Abraços Ademar!!

mixtu disse...

um relembra
momentos magicos
saudade
sentires

que linda homenagem ao amor...

abrazo serrano de um mar,

Veronica de Nazareth-Noic@ disse...

AmigAmada...

desses amores plenos e profundos, é que ficam, realmente, todas as marcas. É um impregnar-se, no corpo e na alma, assim como há de resultar com estes teus tão belos versos, sempre.
Saudade,amiga! Obrigada pela visita ao meu "bloguinho" e o carinho deixado. Retribuo, com todo meu amor-amigo.Vim rapidamente,mas vim. Bjs

Musician disse...

Que linda poesia doce Mary!
O amor é o sentimento mais forte que pode existir!

Espero que estejas bem minha amiga!

Um beijinho do tamanho do mundo para ti!

Renata disse...

oi. Adorei sei blog, que achei sem querer procurando fotos de Michael Jackson.
Tb sou fã, entre no meu blog qdo quiser:

http://barkatthemoonie.blogspot.com

beijos!

Miguel Eduardo Gonçalves disse...

Quanta segurança permite um amor assim, Mary, e tu soubeste com precisão cirúrgica empregar cada palavra no seu exato lugar e sem disfarce, porque não há inquietação em tua alma tão poeta, que necessidade verdade menor! As tuas são e sempre estiveram às claras para os leitores, como cristal, o que bem ratifica esta blog recheado com as coisas que te cercam e enchem de amor maior a tua vida.
Obrigado por me visitar na Central, fiquei muito feliz; sempre fico.
Bjs, Miguel-

ellen disse...

Quem não lembra a 1ª vez? :)))
e com tanto amor assim é impossível esquecer né?
Seja feliz para sempre porque é o melhor que se pode ter na vida... um lindo amor!

Beijinho

Marina disse...

Oi querida!!!
Venho te agradecer a visita tao linda que voce me fez neste sábado de outono aqui tambem na España. Amei este seu relato de amor que tambem combina comigo e o meu eterno primeiro amor. Ele mora no em Sao Paulo e as amigas ainda me mandam noticias dele, desde quando eu tinha 18 anos voce pode acreditar? Pois é menina, a vida tem essas coisas maravilhosas.Obrigada por me fazer feliz com seu relato de amor. Fique com Deus e um lindo finde. Beijos mil e té outra meu anjo.

Mary disse...

Cara!!! Vi seu comentario num blog acho que " Vi e Vivi" e vi que se chama Mary. Que susto pq é meu nome tbm e fiquei pensando como q escrevi isso se nunca tinha entrado nesse blog antes. Aí pensei será q ando fazendo coisas q meu consciente apaga; eu hein que esczito e q alívio q era vc. Bjo, Xará!