12 fevereiro 2009


A NOSSA MÚSICA






Quero compor uma música
com as notas musicais de sua voz
com todos os tons e entretons
com aquela gravidade máxima
e doçura infinita
Depois tocá-la infinitamente
até que meus ouvidos se saturem
estudar as entonações
subir nos agudos, descer nos tons graves
Sabe aquela sua voz
quando estamos a nos acariciar?


É essa sua voz que quero
para sempre em minha mente guardar
quando ao som de suas palavras de amor
seus olhos mudam de cor
e suas mãos acompanham lentamente
aquelas notas conhecidas
nas pautas de meu corpo


Quero compor uma música
quando nossas almas se juntam
com aquele beijo de nossas bocas
e os nossos cheiros se misturam
aquelas notas cheias de melodia
que mais parecem harpas de anjos
emitindo os sons de nossa fantasia


Vem! quero compor depois nosso dueto
quando no escuro do quarto
as notas de amor de nossas bocas
sufocam todos os outros sons!
Descobre comigo as notas de nossa música
para que possamos ouvi-la com o coração
quando separados por essa distância
ela possa ecoar em nossa solidão




Mary Fioratti

Como sou uma romantica incorrigivel, coloquei lá em baixo do meu Blog, a última cena do filme "FALLING IN LOVE" com o Robert DeNiro e a Meryl Streep. Assistam!

13 comentários:

BANDEIRAS disse...

Querida Mary,

Sempre escrevendo sobre o amor...
Como é bom amar assim...

Bjs

Te amo

Retalhos de Amor disse...

Mary, assim...
Essa canção e os teus versos
nos levam à amplidão
onde a finitude deixa de ser
e a alma extasia-se!!!
Te Amo, Mary Ternura!!!
Iza

Amaral disse...

Que melodioso e fantástico hino ao Amor!
Nas pautas do teu corpo e do teu coração só uma música audaz provoca a paixão e o desejo de amar em pleno...
Junta duas bocas na mesma nota e ouve o eco dos seus sussurros!
É essa a voz que se agita em todas as palavras de amor...

mateo disse...

Nunca julguei possível compor uma Sinfonia de Amor para duas vozes e com tão poucos instrumentos...
Mas, a verdade é que tu conseguiste!
Beijo em sorriso.

Lainha disse...

Lindooo querida!!!
O amor pulsa em tuas veias, minhas e nossas, como uma grande orquestra.
Bjãoooo querida.

ellen disse...

Muito bonito Mary. Adorei :)
Beijinho

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Mary!Muito bonito!O amor está no ar!!!!!!

Um beijo!Sonia Regina.

tulipa disse...

UMA SURPRESA:

QUEM
QUISER
VER
MAIS FOTOS DA MINHA EXPOSIÇÃO
PODERÁ
IR A ESTE BLOG:

http://nunoalexsousa.blogspot.com/

ACONSELHO VIVAMENTE.

O MEU "PADRINHO"
fez-me uma surpresa
e um miminho,
em vir à Moita ver a exposição e fotografá-la.

Bom fim de semana.
Abraços.

Sal Troccoli disse...

Quero compor uma música
com as notas musicais de sua voz
com todos os tons e entretons
com aquela gravidade máxima
e doçura infinita
Depois tocá-la infinitamente
até que meus ouvidos se saturem
estudar as entonações
subir nos agudos, descer nos tons graves
Sabe aquela sua voz
quando estamos a nos acariciar?

Um belo trabalho, fantastico algo para ler, os meus parabéns e aplausos para embelezar o charme dos seus poemas.
Sonia de longe o meu respeito, amizade desejando um feliz dia para você.

b disse...

Primeira vez aqui.
Mas já digo "tomara" _ que tenhas a quem oferecer esses sentimentos.
E que mereça.

OUTONO disse...

Que esse romantismo nunca se apague.

Beijinho

ParadoXos disse...

a medida que vamos lendo vamos ao mesmo tempo fazendo amor com as tuas palavras - esse amor tão bem desenhado por ti por ser sentido e por ser o sentido da vida - um sentir incorrigivelmente saudável e belo. grande amiga Mary!!
beijão no teu universo que me inspira poesia
- sensual personalidade poética, és!

mateo disse...

Na ausência de novos "posts" vou lendo o que ainda não tinha relido...
e onde o amor é alimentado com fogo!
Beijo.