03 março 2007




QUANDO SUAS MAOS ME TOCAM




Quando suas maos me tocam
minha pele se transforma
em pura seda
elas descem em meu corpo
num reconhecimento ansioso
enquanto vislumbro
o paraiso...
Gosto daquele seu olhar parado
sua expressao seria
que de repente se transforma
no mais puro extase
Quando suas maos me tocam
ouco o som do meu libido
e moldo-me em suas maos
naquele aconchegar perfeito
Voce, menino-homem
diz coisas bem baixinho
em meu ouvido
arrepia-me inteira
deita-se em meu corpo
espreguica-se, enlaca-me
ri do meu riso
espanta-se...alucina-me
conta-me historias, emociona-se
aperta-me contra seu peito
pedindo caricias cumplices
Da-me aquele olhar carinhoso
veste-me de amor
daquela maneira mais pura
e me beija na boca com desejo
quando na penumbra do quarto
invade-me com extase e ternura

®Mary Fioratti

16 comentários:

Rui disse...

Olá
Como viajo muito pela net procurando poesias, que complementem as minhas fotos, ou que sirvam de comentários ás minhas visitas no fotolog ,por vezes tenho boas surpresas como é o caso deste seu blog do qual já retirei duas poesias para comentar uma imagem como pode ver neste link que lhe envio!

Um sorriso de amizade
Rui Romão


Este é o meu fotolog
http://www.fotolog.com/bichinhodafruta

E este é o meu comentário
http://www.fotolog.com/lua_e_viola/

**chronicles arclight** disse...

dear mary

és uma poeta nata!
adorei ler este teu poema k nos mostras a todos

tão belas as palavras e carinho k demonstras aki

mto bonito msm!
tb eu adoro poesia

mas gostei mto do ambiente do teu cantinho

voltarei!

bj grande*************

ALF O Extasiado disse...

que poema lindo e sedutor.
Marabilhosos Mary. Simplesmente...

Sentia sauddes de vir aqui e vislumbras a grade beleza que é seu blog.

e desculpe a ausência, mas ando tão ocupado, cê nem imagina.

muitos beijos
:)

Amaral disse...

Foste espectacular, Mary! Que belo poema de amor! Que bela canção cantada ao Deus do Amor!
Adorei a subtileza, a sensualidade, a ternura, a cumplicidade...
Quanto carinho se desprende de cada verso, quanta sensibilidade!!!

Lia disse...

A ternura e a sensualidade de um amor... feliz de quem os consegue preservar além do tempo.

Beijinhos com carinho

Joel Langarika disse...

Hand that touch the woman skin as a poem. Hands that write more than feelings, more than love...Hands, that in a moment, an eternal moment, the only thing they write is the name, the same name that the words in your mouth are saying. Luv Mary, and Cheers!

Luiz Carlos Reis disse...

Mary,

O toque e a cumplicidade de duas pessoas que se amam. Indecifrável leveza do amor, afetivo o êxtase num momento sublime...Lindo!
Minha querida, quanta inspiração hein? A métrica e o estilo com perfeição! Bela poesia!

Beijo grande para tí!

Poemas e Cotidiano disse...

Ola Rui!
Fui no seu site, e achei lindo.
Fui somente para visitar, e vou voltar para comentar.
Obrigada por visitar-me.
Um beijo
MARY

Poemas e Cotidiano disse...

Chronicles: Fui visita-la, e deixei uma mensagem nas suas REFLEXOES.
Um beijo e obrigada por me visitar.
MARY

Poemas e Cotidiano disse...

Querido Alf:
Imagino sim querido, a sua correria.
Mas eu sei que voce vem me visitar,e isso me deixa muito feliz.
Sabe por que? Eu acho voce uma pessoa incrivel, e com um coracao enorme, e tantas coisas boas dentro de voce. Alem de ser um escritor de primeira categoria.
Um beijo querido
MARY

Poemas e Cotidiano disse...

Amaral! Quando o vejo aqui eu sorrio. Ver esse par de olhos lendo meus escritos e sempre com essa grande ternura, comentando.
Um beijo querido e otima semana!
MARY

Poemas e Cotidiano disse...

Lia,
Obrigada mais uma vez pela sua presenca no meu Blog.
Seu Blog eh muito lindo!
E eu gosto muito desse "olho" da foto... eh seu?
Um beijo carinhoso
MARY

Poemas e Cotidiano disse...

Luiz Carlos querido!
Que saudade de ver voce por aqui.
Ontem fui la no seu Blog, e fiquei a ouvir "GEORGIA"...
Muito obrigada pela sua visita.
Um beijo carinhoso
MARY

Poemas e Cotidiano disse...

Joel my dear! Every time that I see you here, I think I told you a hundred of times: I SMILE. Last year I was so worried about you... and now I see you here, and well...
When I see your name here, I always smile! :-)
You are a very sensitive man.
Much love,
MARY

Ricardo Rayol disse...

Intenso muitto intenso.

Alexis Coald disse...

Mary

adorei ler este teu poema.

Quanto carinho se desprende de cada verso.

Um beijo