29 março 2007



SEU CORPO



O seu corpo é assim
cheio de mimos
de minhas maos macias
que passeiam pelo seu peito
suas costas
fazendo-lhe carinhos

O seu corpo é assim
massa de amor
onde descanso minha cabeca
enquanto suas maos
ternas e suaves
se enrolam em meus cabelos

O seu corpo é assim
masculo, pintura de desejo
onde passeio meus olhos
desde seus pés, até sua cabeca
meu amor desenhando-se em contornos
acompanhados por seus olhos ardentes

O seu corpo é assim
tao fragil, e tao forte!
Mostra um tanto de menino
e seu lado adulto de homem

O seu corpo é assim
Guardando sensacoes apagadas
que tornam-se vivas
quando minhas maos o afagam


®Mary Fioratti

11 comentários:

Endless... disse...

Querida Mary!
Mais um poema lindo, com a superior qualidade a que já nos habituaste...
Sim, o corpo que amamos, mais tarde ou mais cedo...deixa de ter segredos...
Até o ficamos a conhecer melhor que o próprio "dono"... :)
E é tão bom sentir, tocar, manter e preservar esse Amor pelo tempo.....................

Sabes que já tive essa linda música no meu blog em tempos? LINDAAAAAAAAA
Parabéns por mais um lindo post!:)

Beijinhos e bom fim de semana para ti....

Musician disse...

As tuas palavras, querida Mary, são como uma bela música, daquelas que a gente ouve a vida toda e sempre que a ouve é como se fosse a primeira vez!
Tão bom amiga, ler-te e sentir-te!
És um presente de Deus na minha vida e no mundo!

Um beijo enorme nesse coração maravilhoso.

Ricardo Rayol disse...

Hoje você é um contraponto à minha agonia.

Anônimo disse...

Oi menina Mary...!!!
tuas poesias sempre me encantaram, a mais de dois anos sou fiel leitor de tua poesia e, neste amis de dois anos, em cada verso teu, encontrei sentimentos em demasia...tua poesia sempre foi de entrega...de admiração, de encantamento.
Teus versos são reflexos tu'alma, que caminha sempre grandiosa e eloquente...
Beijo no teu coração.

daufen bach.

Luiz Carlos Reis disse...

Querida,

Maestrina das palavras e versos eruditos...Ora em bemóis, ora em sustenidos. Mais importante ainda, caminhas sempre alojada em nossos corações.
Adorei a música de fundo! Relaxante! Beijo grande para tí, e tenha um ótimo e magnífico final de semana!

Luiz

Delfim Peixoto disse...

Sem dúvida um dos posts mais bonitos que fizeste
jnhs

mixtu disse...

yayaya
ouve lá, podes escrever "teu corpo", não me importo, não gosto que me tratem por senhor...
yayaya, pura brincadeira, yaya
bem e vejo que por aqui há paixão, vou... para os copos...
yayay

poesia

Menina do Rio disse...

Seu corpo é meu abrigo
meu refúgio nas noites frias
Seu corpo me tece desejos
Fragâncias tuas
que bebo como um elixir
Seu corpo
desenha meus sonhos
quando te afago em silencio...

Muito lindo o teu poema!

beijos

zezinhomota disse...

Sinto nas tuas palavras, uma linda melodia que aos meus ouvidos me transmitem em complemento aos sentimentos que consegues transportar, nas palavras que escreves com tanta sensibilidade.

Bom fim de semana

Beijinhos

ZezinhoMota

Daniela Mann disse...

Que poema apaixonante!
Beijinhos amiga

collybry disse...

Melodia em palavras que sossuram amores...bjca