07 agosto 2006




DESCOBERTA




Quero aqueles gestos puros
nascidos de dentro da alma
como uma criança que vem ao mundo
e exprime seus sentimentos
sem explicações
Porque os gestos puros
eles não tem máculas
simplesmente existem
nascidos da semente do coração
Quero aquele olhar cheio de encanto
que quebra a beleza da noite
e parte as estrelas em mil pedaços
E arregaça a lua toda
descobrindo seus segredos
ouvindo as canções puras
que emanam do verdadeiro ser
Quero aquelas palavras
vindas de dentro do coração
que não são achadas em livros
nem em poesias
aquelas que ninguém ainda disse
frases inéditas
que vivem presas nas teias da alma
Quero aquele impulso latente
da verdade sem máscaras
descobrir o segredo da vida
encantar-me com a musica
embutida nos sonhos
E viver como uma criança
descobrindo pelo tato
pelo cheiro
pelo olhar
tudo totalmente inédito e puro
como o primeiro respirar


®Mary Fioratti

11 comentários:

Zé Carlos disse...

Mary querida eu também só "Quero aquelas palavras
vindas de dentro do coração"
não importam as que sejam, duras repreensivas, amáveis, conselheiras mas que sejam do coração..... Beijos menina.... ZC

Kafé Roceiro disse...

Querida amiga,
Você tem o dom da palavra e isso é uma benção de Deus, pois você ilumina os nossos dias e noites. É muito bom passar por aqui antes de deitar... A gente sonha bom!

Musician disse...

Com esses gesto é que vale a pena viver :)
A vida feita de coisas simples é bem melhor!
Querida, deixo um beijinho enorme para ti.
Até ao regresso!
Vou pensar em ti, te adoro*

Poemas e Cotidiano disse...

Minha florzinha Aninha: Vou sentir sua falta! Ah! como vou sentir sua falta! Voce eh a estrelinha que sempre da um brilho especial na minha manha!
Boa Viagem minha Amiga Querida! Que Deus proteja todo o seu caminho e a faca sempre ter no rosto esse lindo sorriso.
Adoro voce Aninha!
Um beijo querida
MARY
PS: Vou continuar mandando meus emails, viu?

goticula disse...

Bonito blog. Obrigada pela tua visita. Voltarei com mais tempo se não te importares.

Beijinho

Patty disse...

Mary

Essas decorbertas nos ensinam tanto e é através delas q percebemos o mundo. Lindas palavras como sempre encontro aqui no seu cantinho.

Um beijo e bom diaaaaaaaa;))))

Ju disse...

Que versos lindos e q foto maravilhosa =)

Beijos

dulce disse...

Passei por aqui para retribuir a tua visita. Gostei das tuas palavras e das imagens e fotos que colocas.
Volta quando quiseres. Beijos

Alexis Coald disse...

el poema descoberta es hermoso y la foto del bebe tambien.

Mary me gusta cuando dice.

"Quero aquelas palavras
vindas de dentro do coração
que não são achadas em livros
nem em poesias
aquelas que ninguém ainda disse
frases inéditas
que vivem presas nas teias da alma"

Belo, bello mi querida amiga
Le mando un beso cariñoso
Alexis Coald

Luiz Carlos Reis disse...

Palavras singelas, belas em devaneios de criança...vindas do coração!
Ansiamos pela incência dos pequeninos!Abraços meu anjo!

ARD disse...

Olha, concordo plenamente com você.
Isso porque como as crianças, nós somos poucos os que se deixam transbordar pelos verdadeiros sentimentos. Aqueles sentidos com toda a nossa alma, tamanha intensidade e verdade invadem as inúmeras barreiras impostas pela vida e a sociedade em que vivemos diariamente.
Realmente suas palavras são fontes da mais pura inspiração.

Quando tiver um tempinho passa no meu blog, vai..

http://ardarte.blogspot.com/

Será um prazer receber sua opinião.
BJ
DEA