13 janeiro 2007




PINGOS DE CHUVA




Pingos de chuva
que respingam na janela
e que fazem meus olhos
perderem-se distantes...
Em cada gota
um pensamento que se esvai
deslizando no vidro embaçado
dissolvendo-se em um nada...
Uma doce melancolia
que chama em voz alta
pela minha poesia
Reflexão obrigatória
viagem absoluta e dolorida
Pingos de chuva
frios e gélidos
batem na minha janela
dedilham uma musica
que lembra-me a infância
Eu...dentro de casa
fazendo carimbos com batatas
e ainda sinto o cheiro
daquele livro na estante
"40 brinquedos para um dia de Chuva"
Como eu adorava aquelas paginas
cheias de desenhos coloridos!
Pingos de chuva
trazem simultaneamente
meu passado e meu presente
misturando-os em concepção
Um trem ao longe apita
e aquela velha sensação de perda
de alguém que se foi
e consigo visualizar
uma estacão qualquer, um aceno...
um partir...
e vem em mim uma saudade funda
que dói dentro da alma
e que não a sei definir...
Os pingos de chuva
nessa manhã tão quieta e fria
deitam-me suave no colo da realidade
arrancando-me por alguns momentos
da minha tão precisada
fantasia...


®Mary Fioratti

11 comentários:

Pé de Salsa disse...

Olá, Mary,

Mais um belo poema que nos fala de chuva.
Chuva traz-me à memória a tal melancolia mas também a saudade e a lembrança do conforto de um colo.

Muito lindo este seu poema (como sempre).

Um beijo

Silvana Porto disse...

Boa noite querida...

Belo poema. E por falar em belo, descobri um poema seu lindo de morrer e postei em meu flog.
Desculpe por não ter perguntado antes... mas acho que não ficará brava.

Dê uma passadinha e comente. Será um prazer para mim.

Beijos e tenha um fim de semana maravilhoso... Sil

Amaral disse...

A saudade mora nas recordações de velhos tempos...
Num poema simples, viajas ao passado recente de episódios trazidos num dia de chuva...
Uma manhã quieta mas aconchegada e quente. Um presente embrulhado em pingos de chuva...
... mas que a saudade não doa e não faça arder o peito!...

Jéssica disse...

Tô achando minha amiga mais que querida meio tristinha hoje...
minganei?
Melancólico, mas lindo... como td q vemd e vc...
Desejo de coração q teu domingo seja iluminado... q vc receba o carinho q merece das pessoas q estão ao teu redor. Beijo*.*

El Navegante disse...

Ontem esteve ouvindo una voz con sabor a mel.
Muitas vezes, uma delicia para tudos os meus sentidos.
E hoje, estou ouvindo mais uma música doce, por que depois de ler ista delicada joia que vc nos deixa, teve a sansaçao de paz que só una sinfonía de Mahler, o lo Samba em Preeludio de Vinicuis, pode deixar na minha alma.
Ficría horas e horas, conhecendo os segredos de issos brinquedos.
Qué bom, mais a la hora de te deixar,nao só me levo saudades de ista visita e lo descobrimento de algo tao divino como ista obra,me levo a certeza que para alguém como vc, isees pingos só poden te chevar por caminhos de bondade e muita felicidade.
Nao existe outro roteiro onde vc podería caminhar.
Um beijo.

Amaral disse...

Hoje, o meu comentário é bem curto:
"Faz feliz a parte de Mim que és tu!", que talvez queira dizer: "Mary, faz Deus feliz!"
No meu sítio, tentarei explicar!...

Jonice disse...

Olá Mary,

gostei muito de ler teu comentário no blog do Amaral, então tomei o atalho para vir te visitar ... e aqui chegando, adorei ler este poema tunel do tempo, você escreveu tão gostoso que viajei no meu próprio tempo em retorno à infância. Obrigada!
Beijinho :)

Daniela Mann disse...

...()""()
.("( 'o' )
,-)____)|'--.
"=(o)==(o)='Beijinhos

Silvana Porto disse...

Oi amiga...

Primeiro quero agradecer a sua presença em meu flog. Foi o maior sucesso o seu poema.
Em segundo... que falha imperdoável a minha. Eu não coloquei os créditos adequadamente. Mas prometo, se me permitir, vou postar outros lindos poemas seus e colocar os créditos corretamente.
Acho que tanta limpeza no sábado me deixou com a cabeça meio perdida e cansada.

Beijos e tenha um início de semana iluminado e muito abençoado por Deus... Sil

Ricardo Rayol disse...

Chove chuva, chove sem parar ... pingos de chuva são uma grande lavagem da alma... de todos os pecados, de todos os males.

NETMITO disse...

Gostei muito de ler.
Boa semana*)