12 janeiro 2006




PAZ INTERIOR




Hoje sinto uma paz
Uma paz interior
Que invade minha alma
Me traz calma
Acalanta meus pensamentos
Brisa em meus sentimentos
Faz-me sentir suave
Meio magica
Paz que invade meu coração
E me faz sentir FELIZ
Essa paz que eu sinto
Mostra-me a minha essência
Pintando dentro de meu coração
A falta de carência
Felicidade de estar viva
De poder olhar o mundo
Sentir as pessoas
Felicidade de agradecer
Esta minha vida
Tão cheia de alegrias
Sua presença
O sopro de sua verdade
Tornando vida
A minha Felicidade
Hoje sinto uma paz
Que me faz sentir branda
Assim como
Uma flor exposta
Uma rosa vermelha
Em um jardim publico
Sem ventos
Sem tempestades
Uma flor de amor
Exposta no jardim
De minhas verdades

Mary Fioratti

3 comentários:

Zé Carlos disse...

Lindas ... vc e a poesia....
bjs do ZC

Marli disse...

Minha Menina
Você, como diz Zé Carlos, é linda!!
Obrigada pelo carinho comigo.
A poesia é linda.
Beijos Meus

Nádya Haua disse...

Oi Mary!
Não estou aqui por curtição, não!!!
Estou aqui por amor à poesia e, poesia das boas!
Escreves maravilhosamente lindo...com a alma...com a emoção do verdadeiro POETA!
Amei ler você e conhecê-la também. Você é muito linda!
beijos em teu coração.
Nádya Haua
hauapoeta@yahoo.com.br
http://www.simplesmente.poeta.nom.br