06 julho 2006




MOMENTO PERFEITO




Sentei-me em seu colo
deslizei a mao dentro de sua camisa
acariciei seu peito
entreabrindo meus labios
com sentimento de ternura
Deixei-me percorrer seu rosto
meus olhos agonizando na paisagem
de seus tracos
naquela expressao emocionada
do seu olhar
Suas maos acariciavam minhas costas
causando suaves arrepios
Estranho dizer
mas nao foi um momento sensual
e sim carregado de emocao pura
declaracao de amor
expostas em gestos delicados de ternura
(Como gosto desse seu lado feminino
que me toca com suavidade)
Aconcheguei-me ao seu peito
enquanto seus dedos mansamente
anelavam meus cabelos
e sua respiracao tranquila
reafirmava-me sua existencia
Naquele momento eterno
sorvi em goles emocionada
da sua alma - a pura essencia!

®Mary Fioratti

6 comentários:

rouxinol de Bernardim disse...

A expressão máxima da ternura no clímax da paixão e da sensualidade!Cinco estrelas? Não, um firmamento completo!!!

AS disse...

Belo, intenso, sensual!... Cada palavra é suave como uma caricia... Adorei!...


Um beijo meu...

daniel sant'iago disse...

Não sexual mas fortemenete sensual!

daniel

jorgeferrorosa disse...

Que momento perfeito! !
Belo trabalho.

Alexis Coald disse...

Hermoso, bellisimo¡ Que metáforas!
A tus pies

Alexis Coald

Zé Carlos disse...

...docemente lindo poema, Mary querida.
Parece que vc vive o que escreve e escreve o que vive.... tamanha facilidade em colocar os pensamentos no papel...., bjs do Zé